6 dicas de gestão de bares e restaurantes indispensáveis para um estabelecimento bem sucedido

Gestão de bares e restaurantes nunca foi fácil. Um dos maiores desafios para os empreendedores é abrir um negócio e mantê-lo com uma boa gestão e planejamento financeiro. Segundo o Sebrae, uma média de apenas 75 empresas, a cada 100 que são abertas no Brasil, sobrevivem ao primeiro ano.

Com a ideia de ajudar quem está entrando nesse mercado empreendedor, preparamos uma lista com dicas de gestão de bares e restaurantes para você

1 – Teste o seu modelo gestão de bares e restaurantes

Um dos principais fatores que colocam em risco o crescimento de uma empresa, é a falta de planejamento. Para te ajudar nesse processo, é importante que você teste e valide todos os seus planos, por mais que futuramente você mude a estratégia inteira. E como dica extra, não tenha medo de mudar seu modelo de gestão de bares e restaurantes.

2 – Faça um estudo sobre o seu público

Quanto mais você conhecer o seu público, mais chances terá de fazer a sua empresa evoluir. É preciso ir além das noções básicas de público-alvo e entender de verdade o perfil de cada cliente, analisando seus hábitos, rotinas e pontos de vista.

3 – Tenha uma boa organização financeira

Saiba separar os gastos pessoais das finanças do seu negócio. Um dos maiores erros que você pode cometer é pagar despesas externas com o dinheiro da empresa. O mais indicado é que você estabeleça uma quantia fixa para retiradas mensais, investindo o restante no crescimento interno.

4 – Não se esqueça das estratégias de comunicação

Independentemente do porte do seu negócio, investir nas estratégias de comunicação é essencial para o desenvolvimento do mesmo. Aposte em medidas criativas e de baixo custo que possam valorizar a sua divulgação no mercado, como por exemplo: ações de marketing, investimento em redes sociais, comunicação interna e outros.

5 – Estipule um valor para seus serviços e/ou produtos

Pesquise qual pode ser a melhor técnica de administração da parte financeira para a sua empresa. É comum que empreendedores iniciais errem na hora de definir os valores de seus produtos ou serviços, assim como a margem de lucro. Procure ajuda com especialistas dessa área para que te indiquem a opção mais satisfatória, de acordo com o seu negócio.

6 – Seja criativo

Por último, mas não menos importante, procure ser sempre criativo em tudo o que fizer. Seja na forma de aplicar o seu planejamento, no processo de produção, ou na entrega do produto final. Acostume-se a sempre reinventar para que a sua empresa sobreviva e se destaque no mercado.

 

Se você gostou do nosso artigo fique de olho. A Abrec sempre tem novidades e estamos de portas abertas que você se torne um de nossos associados.

Comentários